in

9 sinais alarmantes da diabetes – você nunca deve ignorá-los

A diabetes é uma doença bastante comum e que pode levar a consequências devastadoras e potencialmente mortais, se o portador não tomar as precauções necessárias, tendo um cuidado integral com sua saúde.

Esta doença é uma síndrome metabólica de origem múltipla. Devido a vários fatores o pâncreas do individuo se tornou incapaz de produzir a insulina, ou incapaz de empregar corretamente esse hormônio. A insulina é o hormônio responsável por utilizar a glicose adequadamente, ou seja, transformar a glicose em energia ou estoque de gordura.

O nível de açúcar no sangue fica tão alto (hiperglicemia), que quem é diabético precisa de medicamentos ou até da própria injeção de insulina poder regulá-lo, pois as consequências desse mau funcionamento são drásticas, como danos nos órgãos, nervos e vasos sanguíneos.

A diabetes pode aparecer em diferentes momentos da vida, por isso é importante estar ciente dos sintomas para evitar as consequências. Falaremos a seguir sobre alguns de seus principais sintomas. Se você sentir alguns deles, não fique alarmado, consulte um médico, ele será o único que pode realmente saber se é diabetes ou não.

1. Urinar com frequência
Um dos sintomas mais comuns de diabetes é a necessidade de urinar com frequência. O motivo é que o corpo quer se livrar do excesso de açúcar no sangue. Os rins trabalham muito e se não se descobrir a tempo e tratar, pode causar problemas sérios nos rins.

Shutterstock
Shutterstock

 

2. Vista borrada

A diabetes causa desidratação por todo o corpo, incluindo os olhos. Se você começar a ver embaçado de repente, mesmo que tenha problemas visuais, chame ajuda ou procure um pronto socorro. Se você desenvolveu diabetes mas não descobriu ainda ou se já sabe que tem mas não se cuida, e tem vários casos de hiperglicemia prolongada, poderá ficar completamente cego.

Tri-City Medical Center
Tri-City Medical Center

3. Pegar facilmente infecções que levam muito tempo para curar

Como o corpo trabalha duro para regular os níveis de açúcar, ele acaba ficando com menos energia para curar feridas ou infecções. Pessoas com diabetes geralmente apresentam infecções cutâneas ou irritação entre as pernas.

4. Fome constante
Em um estágio inicial de diabetes é normal sentir-se com muita fome. O apetite pode subir e descer como uma montanha-russa.

Shutterstock
Shutterstock

5. Sede frequente
Se você se sente constantemente com sede e tem dificuldade em saciá-la, isto pode ser um sinal de diabetes.

Além disso, quanto mais você beber, mais precisará urinar. Se essa sede for prolongada, o melhor é consultar um médico.

ShutterstockShutterstock

6. Perda de peso sem motivo aparente

Como o corpo não consegue transformar glicose em energia ou estoque de gordura. O corpo irá usar as reservas de gordura, o resultado geralmente é perda de peso. Por isso num estágio inicial, quem adquire diabetes, as vezes come bastante e não engorda.

 

7. Sentir-se cansado e exausto

A fadiga usual ou a fadiga crônica, com muito sono, é comum entre os diabéticos. Isso ocorre porque os níveis de açúcar não estão regulados.

Fotolia
Fotolia

8. Sensação de dormência nos pés e nas mãos 

Se você sentir uma sensação de formigamento ou dormência nos pés, braços ou nas mãos com frequência, faça um exame de glicemia. Câimbras também podem aparecer.

Dreamstime
Dreamstime

9. Hálito com cheiro estranho

O diabetes afeta todo o organismo e o indivíduo pode exalar um tipo de odor químico. O hálito cetônico (semelhante ao cheiro de frutas podres ou até da acetona) é característico no diabético. A halitose (mau hálito), xerostomia (boca seca), candidíase, aftas e cáries são outros problemas bucais de alguém que não consegue manter o nível de glicemia bem controlado.

Peça a alguém próximo que lhe informe se perceber esses odores característicos.

Shutterstock
Shutterstock

 

Fonte: National Institute of Diabetes and Digestive and Kidney Diseases.

Nunca ignore esses sintomas, seja em você mesmo ou em alguém próximo a você. Se a doença for detectada cedo, o portador pode ter uma vida normal desde que se cuide. Em caso de dúvida ou suspeita, sempre procure um médico.

Compartilhe essa informação para que todos fiquem cientes dos destes sintomas.

Conheça um pouco mais sobre a diabetes:

FAÇA UM COMENTÁRIO

16 Imagens que comprovam que (quase) tudo era possível no Carnaval de antigamente

22 imagens panorâmicas do Google Maps onde algo deu errado